Contribua para manter o Parque Nacional Serra da Capivara | Patrimônio Mundial pela Unesco
GERAL CADERNO 1 CADERNO 2 CADERNO 3
CADERNO 4 BLOGS LINKS ÚTEIS METEOROLOGIA

#zikazero | CLIQUE AQUI, SAIBA MAIS E PARTICIPE | #zikazero
A sociedade mobilizada para vencer a luta contra o mosquito

Instituto Eu Quero Viver
quinta-feira, 6 janeiro, 2011 23:59

Produção de oleaginosas pela agricultura familiar será ampliada no Estado

 
 
 
Genevan Mendes Barbosa/Emater
 
   
  Lavoura de girassol na comunidade rural de Barreiro da Raiz, em Janaúba  
     

O plantio de mamona e girassol pela agricultura familiar para a produção de biocombustíveis vai ganhar reforço neste ano, com a expansão da atividade em outras regiões do Estado.

Hoje o cultivo das oleaginosas para a usina de biodiesel da Petrobras, em Montes Claros, no Norte de Minas, é praticado por pequenos produtores de 74 municípios mineiros, localizados no Norte, parte do Vale do Jequitinhonha, Centro-Oeste e Sul.

A informação é do coordenador técnico estadual de Culturas e Biocombustíveis da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater-MG), o engenheiro agrônomo Waldyr Pascoal Filho.

O coordenador informa que a empresa pública mineira já participa das negociações para a ampliação do Projeto de Biocombustíveis, incluindo agricultores do Noroeste do Estado e do Projeto de Irrigação Jaíba, no distrito de Mocambinho, município de Jaíba, no Norte de Minas. “Estão sendo realizadas negociações para a inclusão de mais agricultores familiares, principalmente os dos municípios de Paracatu, João Pinheiro e Unaí, além dos que estão no Projeto Jaíba”, explicou.

Desde 2007, quando assinou o primeiro contrato com a Petrobras, a Emater-MG presta assistência técnica aos agricultores que produzem e fornecem a matéria prima para a fabricação de biocombustível. O atendimento inclui orientações técnicas, cadastramento e a distribuição de sementes e sacarias para a colheita, doadas pela estatal federal.

No último contrato firmado em 12 de novembro de 2009 com a Petrobras, a Emater-MG se comprometeu, até novembro de 2011, a tornar os agricultores das regionais Divinópolis, Curvelo, Janaúba, Januária, Montes Claros, Salinas, São Francisco e Passos aptos a produzir e fornecer oleaginosas de forma sustentável para o abastecimento da usina de Montes Claros.

O projeto prevê o atendimento no Estado de 4.600 produtores por ano, em uma área de 9.200 hectares e produção de 13.800 toneladas de grãos. Para trabalhar o projeto, a Emater-MG conta com uma equipe técnica exclusiva de 40 extensionistas e dois coordenadores, sendo um regional e um estadual.

De acordo Waldyr Pascoal, a remuneração da produção de oleaginosa para a fabricação de biocombustível obedece a uma política de preço mínimo, estabelecida pela Petrobras, para que o agricultor não tenha prejuízo. “O preço do quilo da mamona é garantido pela Bolsa de Cereais, já que é uma commodity, enquanto o do girassol acompanha o da soja, outra commodity”, explica.

Cadastramento
Para a safra de verão 2011, a Emater-MG já iniciou o cadastramento dos agricultores familiares que irão plantar mamona e girassol no Norte de Minas. Também cadastrou os produtores do Oeste e Sudoeste de Minas que irão produzir girassol na entressafra ou safrinha, período que corresponde aos meses de fevereiro a março.

Agência Minas

Leia também:

Reforma agrária avançou, mas ainda encontra desafios

Crédito e extensão rural: desafios da agricultura familiar

Professor aponta entraves no avanço da agricultura familiar

Novo Plano Safra traz esperança para a agricultura familiar

Autoridades destacam desafios da agricultura familiar

Eficiência Energética no Jaíba

Agricultura familiar se prepara para exportar manga palmer

Região do Jaíba receberá R$ 30 mi em investimentos para infraestrutura

Marca "Jaíba" certifica fruticultura do Norte de Minas

Programas transformam vidas no Norte de Minas

Barragens viabilizam convivência com a seca

Frutas e cachaça de Minas na Fruit Logística 2012

Assentados em Uberlândia receberam curso de plantio de hortaliças

Exportaminas coordena participação de produtores do Jaíba na Fruit Logística

Para tirar agricultores familiares da informalidade

Novas regras para a agroindústria caseira rural beneficiam pequenos produtores

Produção de oleaginosas pela agricultura familiar será ampliada no Estado

Banana orgânica do Jaíba alcança o mercado de São Paulo

Missão mineira participa de feira internacional de frutas em Berlim

Anastasia autoriza troca de sistemas de irrigação em Jaíba

Material jornalístico de uso livre segundo as atribuições específicas de cada fonte exceto quando especificado em contrário. Fotos e textos podem pertencer a autores diferentes, sempre devidamente identificados. Créditos das fotos devem ser preservados. Nenhuma das fontes mantém qualquer vínculo comercial ou de outra ordem conosco. Em caso de dúvida, consulte. Leia também nossos Termos de Uso e Serviço | Preços, prazos, links e demais informações podem sofrer alteração e correspondem ao dia em que o material foi publicado sendo de responsabilidade da fonte original.

Documento sem título
Considere contribuir com nosso trabalho

Últimas no FarolCom

Veja também

Mapas do Triângulo

Meteorologia

FarolCom no Twitter

FarolCom no Pinterest