Contribua   Assine   ou Acesse nossa campanha no Apoia-se

Nossos sites

Parceiros

Expediente

Políticas do Portal

Contribua para manter o Parque Nacional Serra da Capivara | Patrimônio Mundial pela Unesco
GERAL CADERNO 1 CADERNO 2 CADERNO 3
CADERNO 4 BLOGS LINKS ÚTEIS METEOROLOGIA

#zikazero | CLIQUE AQUI, SAIBA MAIS E PARTICIPE | #zikazero
A sociedade mobilizada para vencer a luta contra o mosquito

Inovação | Navios Pesquisa| Luz Síncrotron

Instituto Eu Quero Viver
segunda-feira, 27 abril, 2015 - 21h14

Emater-MG orienta produtores mineiros na implantação de fossas sépticas

   

A Emater-MG tem estimulado produtores rurais a implantarem fossas sépticas em suas propriedades. A iniciativa visa evitar a contaminação do solo e da água. Além disso, as fossas sépticas podem diminuir a incidência de doenças.

As fossas sépticas indicadas pela Emater-MG são as que utilizam a tecnologia de tanque de evapotranspiração (Tevap).

Esse modelo retém a parte sólida dos resíduos em um sistema fechado e permite a evaporação da água.

Na construção do tanque das fossas Tevap são utilizados materiais como brita, areia, entulhos e pneus velhos.

Para construir o tanque, é feito um buraco que tem as paredes e o fundo impermeabilizados com cimento, evitando que os dejetos entrem em contato com o solo e contaminem o lençol freático. No local devidamente cimentado, são colocados brita, areia, entulhos e formado um túnel com pneus. Essa câmara de pneus é feita no centro do tanque e vai de uma ponta a outra do mesmo.

Divulgação/Emater
O tamanho mais comum do tanque é de 2 metros de largura por um metro de profundidade

O tamanho mais comum do tanque é de 2 metros de largura por um metro de profundidade. O comprimento vai variar de acordo com o número de usuários, sendo um metro por pessoa. A primeira fermentação da matéria orgânica acontece dentro do túnel de pneus e a segunda na zona de absorção das raízes de plantas cultivadas sobre a fossa. É a partir desse processo que é possível o tratamento final da água, que só sai do tanque por evaporação e absorvida pelas raízes das plantas.

Em Ouro Branco, região Central de Minas Gerais, a expectativa é que sejam construídas 100 fossas no modelo Tevap até o final do ano. “Com essa iniciativa temos a intenção de despoluir os córregos, evitar a contaminação do solo e lençol freático, reduzir a incidência de doenças que podem ser veiculadas por falta de higiene e, ainda, conscientizar a população em geral sobre a necessidade de cuidarmos melhor de nossos recursos hídricos”, diz o extensionista do escritório local da Emater-MG em Ouro Branco, Paulo Marcelino.

O técnico da Emater-MG ressalta que esse tipo de fossa é mais eficiente que o modelo tradicional (também chamado de fossa negra), que não passa de um buraco no chão onde é depositado o esgoto da residência. Nas fossas negras é mais fácil a contaminação do solo e do lençol freático, pois não há um isolamento seguro, o que permite a infiltração de resíduos de fezes e de urina no solo.

De acordo com a equipe de extensionistas da Emater-MG em Ouro Branco, a construção de fossas sépticas no sistema Tevap é viável para o produtor. A Empresa orienta e oferece todo o suporte técnico para a implantação das fossas nas propriedades. Até o momento já foram implantadas cinco fossas no município de Ouro Branco.

A Emater-MG conta com a parceria da prefeitura de Ouro Branco, que cede a retroescavadeira para a perfuração das fossas sem nenhum custo para os produtores. “Temos empenhado especial esforço em fazer as fossas sépticas nos locais onde o lançamento de efluentes é feito diretamente nos cursos d'água. Nossa intenção é fazer as fossas sépticas por comunidade, em sistema de mutirão, de forma que possamos atingir o maior número de residências”, diz a extensionista do escritório local da Emater-MG, Maria José.

Agência Minas

Material jornalístico de uso livre segundo as atribuições específicas de cada fonte exceto quando especificado em contrário. Fotos e textos podem pertencer a autores diferentes, sempre devidamente identificados. Créditos das fotos devem ser preservados. Nenhuma das fontes mantém qualquer vínculo comercial ou de outra ordem conosco. Em caso de dúvida, consulte. Leia também nossos Termos de Uso e Serviço | Preços, prazos, links e demais informações podem sofrer alteração e correspondem ao dia em que o material foi publicado sendo de responsabilidade da fonte original.

Documento sem título
Considere contribuir com nosso trabalho

Últimas no FarolCom

Veja também

FarolCom no Twitter

FarolCom no Pinterest