Contribua   Assine   ou Acesse nossa campanha no Apoia-se

Nossos sites

Parceiros

Expediente

Políticas do Portal

Contribua para manter o Parque Nacional Serra da Capivara | Patrimônio Mundial pela Unesco
GERAL CADERNO 1 CADERNO 2 CADERNO 3
CADERNO 4 BLOGS LINKS ÚTEIS METEOROLOGIA

| Dengue, Zika e Chikungunya no Caderno Saúde |
A sociedade mobilizada para vencer essa luta

Ecopontos, Feiras-Livres e outros serviços em Uberlândia
sexta-feira, 22 fevereiro, 2013 21:58

Iepha lança mais uma etapa do programa Minas Patrimônio Vivo

Divulgação/Iepha MG
Representante da Século 30 Arquitetura, Maria Carmen Perilo, e presidente do Iepha, Fernando Cabral

Nesta etapa do programa, serão investidos R$ 5.686.405,49 na recuperação de 16 bens culturais tombados.

O presidente do Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (Iepha/MG), Fernando Viana Cabral, assinou, na tarde desta sexta-feira (22), a ordem de serviços para início das obras e projetos do programa Minas Patrimônio Vivo.

Lançado pelo governador Antonio Anastasia em 2011, o programa, um projeto estruturador do Estado executado pelaSecretaria de Estado de Cultura (SEC) por meio do Iepha, é um dos mais completos no tocante à proteção do patrimônio cultural de Minas Gerais.

Nesta etapa serão investidos R$ 5.686.405,49 na recuperação de 16 bens culturais tombados. O prazo de conclusão dos contratos é de três a cinco meses para projetos e de seis a 18 meses para obras.

Fernando Cabral anunciou os bens culturais contemplados na primeira etapa de 2013 do programa. “Minas Gerais tem mais da metade do patrimônio histórico em termos culturais de nosso Brasil, mercê de nossa história, da nossa cultura e da nossa trajetória. Hoje, estamos dando mais um passo rumo à preservação desse rico patrimônio. Sabemos que temos muito ainda a fazer, mas estamos trabalhando para isso”, afirmou o presidente do Iepha.

Presente à cerimônia, a secretária-adjunta de Cultura, Maria Olívia de Castro e Oliveira, ressaltou os esforços do governo para recuperação do patrimônio cultural do Estado e a grande riqueza que esses bens representam para a história de Minas Gerais.

Obras e projetos contratados na primeira fase de 2013

- Conclusão da obra de restauração arquitetônica da Igreja Divino Espírito Santo do Cerrado, em Uberlândia.

- 1ª etapa da obra de restauração arquitetônica da Igreja Matriz de Santo Antônio, em Itacambira.

- 2ª Etapa das obras de conservação-restauração dos elementos artísticos integrados da Igreja Matriz de Santana, Congonhas do Norte.

- Conservação-restauração dos elementos artísticos integrados da Igreja de Nossa Senhora da Ajuda, distrito de Alto Maranhão, em Congonhas.

- Elaboração de projeto executivo de restauração arquitetônica da Igreja de Santa Isabel da Hungria, em Caxambu.

- Conservação-restauração dos elementos artísticos integrados, retábulo-mor e restauração e remontagem do forro da capela-mor da Igreja Matriz de Nossa Senhora da Assunção da Lapa, distrito de Ravena, em Sabará.

- Projeto executivo de conservação-restauração, com inclusão de análises científicas e documentação por imagem, dos elementos artísticos integrados da Igreja de Santo Antônio, em Santo Antônio do Pirapetinga, distrito de Bacalhau, em Piranga.

- 1ª etapa de obra de restauração do Sobrado Dario Magalhães, em Minas Novas.

- Projeto executivo de restauração da Igreja de Nossa Senhora do Rosário, distrito de Brejo do Amparo, em Januária.

- Projeto executivo de restauração da Igreja Matriz de Nossa Senhora dos Prazeres, distrito de Milho Verde, no Serro.

- Projeto executivo de restauração da Igreja Matriz de São Gonçalo, distrito de São Gonçalo do Rio das Pedras, no Serro.

- Projeto executivo de restauração da Igreja Matriz de Nossa Senhora da Aparecida, distrito de Córregos, em Conceição do Mato Dentro.

- Projeto executivo de restauração da Capela do Senhor dos Passos, distrito de Córregos, em Conceição do Mato Dentro.

- Projeto executivo de restauração da Igreja de São Francisco de Assis, distrito de Costa Sena, em Conceição do Mato Dentro.

- Projeto executivo de restauração arquitetônica e projeto de conservação-restauração dos elementos artísticos integrados da Igreja Matriz de São Francisco de Assis, em Minas Novas.

- Projeto executivo de restauração arquitetônica e projeto de conservação-restauração dos elementos artísticos integrados da Igreja de Nossa Senhora do Rosário, em Minas Novas.

Divulgação/Iepha MG
Iepha lança mais uma etapa do programa Minas Patrimônio Vivo

via Agência Minas

Leia o que já publicamos sobre Patrimônio & História

Material jornalístico de uso livre segundo as atribuições específicas de cada fonte exceto quando especificado em contrário. Fotos e textos podem pertencer a autores diferentes, sempre devidamente identificados. Créditos das fotos devem ser preservados. Nenhuma das fontes mantém qualquer vínculo comercial ou de outra ordem conosco. Em caso de dúvida, consulte. Leia também nossos Termos de Uso e Serviço | Preços, prazos, links e demais informações podem sofrer alteração e correspondem ao dia em que o material foi publicado sendo de responsabilidade da fonte original.

Documento sem título
Considere contribuir com nosso trabalho

Últimas no FarolCom

Veja também

FarolCom no Twitter

FarolCom no Pinterest